Ir para conteúdo

  • Facebook

  • Este site usa cookies para melhorar a sua experiência como utilizador. Ao utilizar o site está a aceitar o uso de cookies. SABER MAIS ENTENDI

Foto

Capture One e Lightroom (gestão dos Catalogs)


  • Por favor inicie sessão para responder
3 respostas a este tópico

IT Partilhar Post #1 Kehr

Kehr

  • Membro
  • Registo: 04/08/2015
  • Posts: 134

Publicado 22 Dezembro 2020 - 20:58

Boas...

 

Recentemente voltei a fotografar um pouco mais e adquiri uma assinatura do Lightroom numa promoção da Black Friday. A ideia é ir também experimentando o Capture One e (muito) mais tarde decidir se faço a migração entretanto ou não (mudei para Fuji, daí o súbito interesse no Capture One). 

 

Algumas dúvidas para as quais preciso de ajuda:

 

1) Se um dia migrar para o Capture One, o que acontece aos Raws todos que tenho editados no Lightroom? As "settings" estão nos Catalogs do Lightroom certo? Não posso abrir os raws no Capture com as edições já feitas no Lightroom pois não?

 

2) Se comprar a versão Fuji do Capture One não vou poder abrir os meus Raws da Olympus e Nikon? 

 

3) Tenho apenas um Catalog no Lightroom com todas as minhas fotos (cerca de 1TB). Como quero editar no PC fixo (quase sempre), mas de vez em quando também no portátil, decidi comprar um SSD externo de 500GB. A minha ideia era dividir o meu atual Catalog em 3 ou 4 (ou miais) Catalogs mais pequenos de acordo com temáticas e/ou anos, deixar as fotos da maioria dos Catalogs num NAS, os catalogs no meu PC fixo e no SSD colocar um Catalog e as fotos que prevejo que venham a ser editados nos próximos meses (mantendo claro um backup no NAS). Será esta a metologia mais eficaz? Fiz uns teste e com o SSD externo por USB3 pareceu-me funcionar razoavelmente rápido (os meus computadores não são propriamente de última geração).

 

Agradeço esclarecimentos, conselhos e partilha de experiências. 




Anúncios

Partilhar Post #2 Marco Rosado

Marco Rosado

  • Membro
  • Registo: 08/12/2012
  • Posts: 632
  • Idade: 34
    • Local: Lisboa
    • O saber ocupa o lugar da ignorância...

Publicado 25 Dezembro 2020 - 13:34

Boa tarde e Boas Festas!

 

Respondendo ás questões:

 

1) As setings podem ser guardadas num ficheiro xmp junto de cada RAW. O Capture One tem uma função de migração de catálogo, mas as edições que se fazem com o Lr não ficam iguais, até porque o C1 as processa de maneira diferente.

 

2) A única versão que eu conheço que seja "desbloqueada" é a que tem o valor de subscrição mais alto.

 

3) Nesta só posso expor o meu workflow. Tenho um catalogo na nuvem que sinconizo entre os vários computadores que uso (Desktop, portáil e o do trabalho), e mantenho os ficheiros num SSD externo e em backup num HDD com exatcamente a mesma estrutura de ficheiros. Quando importo, crio SMart Previews para não ter que andar sempre a ligar e a desligar discos. Regra geral, quanto mais pequeno o catálogo, melhor desemprenho o Lightroom tem




IT Partilhar Post #3 Kehr

Kehr

  • Membro
  • Registo: 04/08/2015
  • Posts: 134

Publicado 25 Dezembro 2020 - 14:35

Boa tarde e Boas Festas!

 

Respondendo ás questões:

 

1) As setings podem ser guardadas num ficheiro xmp junto de cada RAW. O Capture One tem uma função de migração de catálogo, mas as edições que se fazem com o Lr não ficam iguais, até porque o C1 as processa de maneira diferente.

 

2) A única versão que eu conheço que seja "desbloqueada" é a que tem o valor de subscrição mais alto.

 

3) Nesta só posso expor o meu workflow. Tenho um catalogo na nuvem que sinconizo entre os vários computadores que uso (Desktop, portáil e o do trabalho), e mantenho os ficheiros num SSD externo e em backup num HDD com exatcamente a mesma estrutura de ficheiros. Quando importo, crio SMart Previews para não ter que andar sempre a ligar e a desligar discos. Regra geral, quanto mais pequeno o catálogo, melhor desemprenho o Lightroom tem

 

Obrigado pela resposta.

 

Pelo que percebi, a resposta à 1) é: "as edições vão à vida, porque ficam diferentes no Capture One". Isso de facto é muito chato, terei de exportar tudo para JPG.

 

Sobre a 3) não percebi bem. Os ficheiros que ficam no SSD externo são os raws, certo? Mas tem espaço no SSD para todas as fotos? Os catalogs são salvos online e dps sincronizados com todos os PCs. Com as smart previews faz as edições nas previews apenas? Quando quer exportar um jpg isso é feito pelas Smart previews?




Partilhar Post #4 terencio

terencio

  • Membro
  • Registo: 06/07/2012
  • Posts: 74
  • Idade: 44
    • Local: Odivelas

Publicado 30 Dezembro 2020 - 11:51

Boas...

 

Recentemente voltei a fotografar um pouco mais e adquiri uma assinatura do Lightroom numa promoção da Black Friday. A ideia é ir também experimentando o Capture One e (muito) mais tarde decidir se faço a migração entretanto ou não (mudei para Fuji, daí o súbito interesse no Capture One). 

 

Algumas dúvidas para as quais preciso de ajuda:

 

1) Se um dia migrar para o Capture One, o que acontece aos Raws todos que tenho editados no Lightroom? As "settings" estão nos Catalogs do Lightroom certo? Não posso abrir os raws no Capture com as edições já feitas no Lightroom pois não?

 

2) Se comprar a versão Fuji do Capture One não vou poder abrir os meus Raws da Olympus e Nikon? 

 

3) Tenho apenas um Catalog no Lightroom com todas as minhas fotos (cerca de 1TB). Como quero editar no PC fixo (quase sempre), mas de vez em quando também no portátil, decidi comprar um SSD externo de 500GB. A minha ideia era dividir o meu atual Catalog em 3 ou 4 (ou miais) Catalogs mais pequenos de acordo com temáticas e/ou anos, deixar as fotos da maioria dos Catalogs num NAS, os catalogs no meu PC fixo e no SSD colocar um Catalog e as fotos que prevejo que venham a ser editados nos próximos meses (mantendo claro um backup no NAS). Será esta a metologia mais eficaz? Fiz uns teste e com o SSD externo por USB3 pareceu-me funcionar razoavelmente rápido (os meus computadores não são propriamente de última geração).

 

Agradeço esclarecimentos, conselhos e partilha de experiências. 

 

Relativamente ao ponto 2 - Mudei de Canon para Fuji e fiz a assinatura do Capture one FUJI, para editar algumas fotos antigas que tenho ainda da Canon, ou edito no lightroom ou entao converto os ficheiros  para PSD, TIF ou outro e ai o Capture one ja deixa editar.