Ir para conteúdo

  • Facebook

  • Este site usa cookies para melhorar a sua experiência como utilizador. Ao utilizar o site está a aceitar o uso de cookies. SABER MAIS ENTENDI

Foto

Sony A7 III


  • Por favor inicie sessão para responder
72 respostas a este tópico

Partilhar Post #61 _jn_

_jn_

  • Membro
  • Registo: 12/02/2010
  • Posts: 2937
    • Local: Estoril

Publicado 02 Março 2020 - 17:44

Presume-se que nestes casos os clientes agem de boa fé  :D  :lol:  B)  :clap:




Anúncios

Partilhar Post #62 ruicarv79

ruicarv79

  • Membro
  • Registo: 04/02/2011
  • Posts: 4720
    • Local: Porto

Publicado 02 Março 2020 - 22:38

https://okdiario.com...ror-5237965/amp

Em Espanha correu bem para o lado dos clientes.

Não estás a especular um bocado?  :hmm:

Segundo percebi da notícia, há uma empresa que representa uns milhares de clientes que está a ameaçar entrar com uma ação contra a Fnac, mas nada é dito quanto ao desenlace...




Partilhar Post #63 luísmiguel

luísmiguel

  • Membro
  • Registo: 27/01/2008
  • Posts: 2357
  • Idade: 38
    • Local: Viseu
    • “The only photographer you should compare yourself to is the one you used to be.”

Publicado 02 Março 2020 - 23:17

Não estás a especular um bocado? :hmm:
Segundo percebi da notícia, há uma empresa que representa uns milhares de clientes que está a ameaçar entrar com uma ação contra a Fnac, mas nada é dito quanto ao desenlace...


Certo.
Mas já houve pelo menos uma decisão favorável a um cliente.
É mais de meio caminho andado para que haja jurisprudência.


Partilhar Post #64 ruicarv79

ruicarv79

  • Membro
  • Registo: 04/02/2011
  • Posts: 4720
    • Local: Porto

Publicado 03 Março 2020 - 08:34

Certo.
Mas já houve pelo menos uma decisão favorável a um cliente.
É mais de meio caminho andado para que haja jurisprudência.

Onde viste isso da decisão favorável ao cliente?

Acho difícil haver jurisprudência no sentido de entender que os clientes agem de boa fé quando o preço é tão flagrantemente baixo. Não é que eu não gostasse que assim fosse, é mesmo porque, sendo sério, nestes casos há um aproveitamento claro dos clientes.




Partilhar Post #65 luísmiguel

luísmiguel

  • Membro
  • Registo: 27/01/2008
  • Posts: 2357
  • Idade: 38
    • Local: Viseu
    • “The only photographer you should compare yourself to is the one you used to be.”

Publicado 03 Março 2020 - 10:39

Onde viste isso da decisão favorável ao cliente?
Acho difícil haver jurisprudência no sentido de entender que os clientes agem de boa fé quando o preço é tão flagrantemente baixo. Não é que eu não gostasse que assim fosse, é mesmo porque, sendo sério, nestes casos há um aproveitamento claro dos clientes.


A notícia diz que houve um "centro de arbitragem" que decidiu a favor do cliente... Mas não apenas é só por causa disso que eu digo que tiveram mais sorte.
A minha empresa por "coincidencia" adquiriu a um revendedor espanhol, em finais do ano passado(Novembro), 10 unidades do P30 pro pelo preço simpático de 399€ cada, isto quando o melhor preço para revenda na altura se situava na casa dos 550€ +-.
Não acreditando em milagres, tendo certeza da idoneidade do fornecedor sou levado a acreditar que houve mais que um a ter sorte.


Partilhar Post #66 MLopes

MLopes

  • Membro
  • Registo: 20/09/2009
  • Posts: 152

Publicado 06 Março 2020 - 16:12

há nisto tudo um princípio básico que não pode ser esquecido: num qualquer contrato qualquer clausula que seja contrárias à lei é considerada como não escrita.

 

dito isto, em situações como esta parece-me essêncial estudar bem a lei.

 

o caso da fnac que aqui várias pessoas apresentam tem uma característica muito especial que me parece importante: o preço real faz parte da ficha do artigo, da mesma consta que foi aplicado àquele produto um hotdeal e está anúnciado o preço com a redução decorrente da campanha hotdeal.

 

ora aqui não estamos a falar do exemplo clássico do erro no preço e isso pode fazer toda a diferença.

 

se fosse comigo falaria com algum advogado amigo mas tenderia a levar o caso para um centro de arbitragem de conflitos de consumo consubstanciando-o no facto de não haver erro no preço já que se tratava de uma promoção. e  juntando todos os print screen que permitissem comprovar em especial essa promoção e, claro, todos os outros referentes a pagamentos, expedição, prazo de entrega, etc.

 

não sei porquê mas tenho a sensação que, neste caso específico, o consumidor é capaz de ganhar. segundo me foi dito há noutros países europeus casos idênticos em que os consumidores ganharam não tendo sido considerado erro no preço uma vez que o anúncio havia sido feito numa data especial (black friday, p.e.) ou numa campanha promocional. a parte interessante é que no que diz respeito aos direitos dos consumidores existem diretivas europeias e os estado têm convergido na sua transposição paa as normas nacionais.

 

uma nota: a devolução do dinheiro tem que ser feita no prazo de 30 dias caso contrário o valor tem que ser devolvido em dobro no prazo de 15 dias úteis, sem prejuízo de o cliente poder vir a ser indemnizado por danos patrimoniais e não parrimoniais




IT Partilhar Post #67 cabdriver

cabdriver

  • Membro
  • Registo: 27/01/2013
  • Posts: 172

Publicado 07 Março 2020 - 16:30

há nisto tudo um princípio básico que não pode ser esquecido: num qualquer contrato qualquer clausula que seja contrárias à lei é considerada como não escrita.

 

dito isto, em situações como esta parece-me essêncial estudar bem a lei.

 

o caso da fnac que aqui várias pessoas apresentam tem uma característica muito especial que me parece importante: o preço real faz parte da ficha do artigo, da mesma consta que foi aplicado àquele produto um hotdeal e está anúnciado o preço com a redução decorrente da campanha hotdeal.

 

ora aqui não estamos a falar do exemplo clássico do erro no preço e isso pode fazer toda a diferença.

 

se fosse comigo falaria com algum advogado amigo mas tenderia a levar o caso para um centro de arbitragem de conflitos de consumo consubstanciando-o no facto de não haver erro no preço já que se tratava de uma promoção. e  juntando todos os print screen que permitissem comprovar em especial essa promoção e, claro, todos os outros referentes a pagamentos, expedição, prazo de entrega, etc.

 

não sei porquê mas tenho a sensação que, neste caso específico, o consumidor é capaz de ganhar. segundo me foi dito há noutros países europeus casos idênticos em que os consumidores ganharam não tendo sido considerado erro no preço uma vez que o anúncio havia sido feito numa data especial (black friday, p.e.) ou numa campanha promocional. a parte interessante é que no que diz respeito aos direitos dos consumidores existem diretivas europeias e os estado têm convergido na sua transposição paa as normas nacionais.

 

uma nota: a devolução do dinheiro tem que ser feita no prazo de 30 dias caso contrário o valor tem que ser devolvido em dobro no prazo de 15 dias úteis, sem prejuízo de o cliente poder vir a ser indemnizado por danos patrimoniais e não parrimoniais

O dinheiro devolveram ao fim de 5 dias. A Fnac é grande (mas não é grande coisa), a disparidade de preços , e falo em material fotográfico, e tão grande que com ou sem campanhas , com ou sem hotdeals, etc, etc, chegam a ter preços de material já descontinuado mais caro do que quando estava em produção.
Quanto a mim, e esta é a minha maneira de pensar, agiram de má fé, refugiando-se em clausulas que se calhar bem analisadas por um advogado, não lhes dariam a razão. Mas , para isso ter-se-ia que gastar dinheiro (advogados pagam-se) , e aí o custo de todo o processo iria de certeza ficar mais caro do que o custo do produto. É aí que se escudam, na impotência do cliente em poder reclamar sem que tal lhe saia caro ao ponto de não compensar.

Centro de arbitragem....... continuo á espera, livro de reclamações.... exatamente a mesma resposta que a Fnac deu... 

No meu caso se calhar fui o único do Algarve a fazer a compra , nem dá para juntar um grupo para poder fazer uma reclamação em conjunto.

No meu intimo perderam a credibilidade ( como os velhotes por aqui chamam , "intrujas").Também verdade seja dita, nunca comprei em alguma das lojas espalhadas pelo país qualquer artigo de fotografia, nunca compensou, consegui sempre encontrar mais barato e com muito melhor atendimento e assistência pós venda .

No entanto não estou muito preocupado, já tenho um negócio com uma A7RII de outubro de 2019 por menos do que ficava o "preço maravilha" da A7III, embora não sejam a mesma máquina.

Siga ... prá frente é que é caminho. :)




Partilhar Post #68 Pentaxian

Pentaxian

  • Em Validação
  • Registo: 15/06/2018
  • Posts: 971
    • Local: Dubrovnik

Publicado 07 Março 2020 - 20:19

Onde viste isso da decisão favorável ao cliente?

Acho difícil haver jurisprudência no sentido de entender que os clientes agem de boa fé quando o preço é tão flagrantemente baixo. Não é que eu não gostasse que assim fosse, é mesmo porque, sendo sério, nestes casos há um aproveitamento claro dos clientes.

Tem toda a razão, Rui.




Partilhar Post #69 MLopes

MLopes

  • Membro
  • Registo: 20/09/2009
  • Posts: 152

Publicado 10 Março 2020 - 16:59

@Pentaxian a vantagem do centro de arbitragem é que não precisas de advogado. se ninguém nunca levar isto para a frente eles vão sempre continuar a fazer o que lhes dá mais jeito. aqui o argumento do consumidor parece-me forte: campanha promocional com preço de referência anunciado. neste caso é muito difícil explicar que houve rros no preço. muito mesmo.

 

quando dizes "centro de arbitragem continuo à espera" quer dizer que levaste esta matéria apra a a frente? acho muito bem.




Partilhar Post #70 miguelbarroso

miguelbarroso

  • Membro
  • Registo: 02/09/2008
  • Posts: 767
  • Idade: 47
    • Local: Lx
    • A pedalar se vai ao longe

Publicado 20 Março 2020 - 18:27

Não é um preço de arromba, mas a A7 III está por 1559€ no El Corte Inglês... ou seja, preço de grey market, em território nacional com garantia de 2 anos e factura com IVA. Boa oportunidade?


Editado por miguelbarroso, 20 Março 2020 - 18:27 .



Partilhar Post #71 Pentaxian

Pentaxian

  • Em Validação
  • Registo: 15/06/2018
  • Posts: 971
    • Local: Dubrovnik

Publicado 20 Março 2020 - 19:12

Penso que ainda irá baixar mais. Agora ninguém compra.




Partilhar Post #72 MLopes

MLopes

  • Membro
  • Registo: 20/09/2009
  • Posts: 152

Publicado 08 Abril 2020 - 18:35

Penso que ainda irá baixar mais. Agora ninguém compra.

 

pois, não só não baixou como voltou para o preço "normal".

 

era uma excelente compra @miguelbarroso, ou compraste ou agora olha...




Partilhar Post #73 miguelbarroso

miguelbarroso

  • Membro
  • Registo: 02/09/2008
  • Posts: 767
  • Idade: 47
    • Local: Lx
    • A pedalar se vai ao longe

Publicado 08 Abril 2020 - 18:43

Não tenho pressa... Vou esperar que a nova Tamron 70-180/2.8 chegue ao grey market a preço decente, e aí sou capaz de dar o salto.

 

Para já mantenho-me com o setup que tenho...