Ir para conteúdo

  • Facebook

  • Este site usa cookies para melhorar a sua experiência como utilizador. Ao utilizar o site está a aceitar o uso de cookies. SABER MAIS ENTENDI

Foto

Sony A7II + Metabones IV T (0.49)


  • Por favor inicie sessão para responder
61 respostas a este tópico

IT Partilhar Post #1 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 05 Maio 2016 - 13:13

Há cerca de duas semanas vi-me forçado a substituir a minha canon 5DI numa altura inesperada. Tendo uma 5DII, 4 lentes com mount EF e mais umas quantas lentes manuais com adaptador, não me interessava entrar num sistema diferente. 
As opções para onde olhei foi a 6D (1400€), 5DIII (2700€) e A7II+metabones (1900€)

A 5DIII seria a escolha natural. A 6D seria a escolha económica. A A7 era a que mais me intrigava. Tinha características que nem a 5DIII tinha, como estabilização no sensor, mais MP, formato mais discreto, e ao mesmo tempo aproximava-se em preço da 6D. 

Resultado:
JaAvnNt.jpg


Preocupações com a A7:

AF com lentes Canon Metabones IV T (0.49)
Era a maior preocupação. Se o AF não fosse funcional nas lentes que tenho, a máquina não me servia de nada. As lentes que tenho já têm alguma idade e foram das últimas a ser aceites pelo adaptador. Focam de forma rápida e precisa, mas podem ser inconstantes em situações de luz mais complicada. Focam rapidamente 9 em cada 10 vezes e depois podem ter 1 vez em que não focam, mas na prática ainda so notei isto em testes. No terreno ainda não senti isso.  Em estúdio, apenas com a luz modeladora de uma cabeça de 200w numa octabox, a máquina conseguia focar de forma perfeita no olho com a 200mm @ f4, mesmo quando o modelo se estava a rir e a mexer.

Tem ainda a vantagem do posicionamento e tamanho do ponto de focagem. Em situações em que seja preciso precisão absoluta, tem um modo de focagem apenas num ponto. Numa situação normal, pode focar de forma mais abrangente, e em situações mais complexas tem naturalmente o modo total com os 117 pontos de focagem.

Se me sentia confiante em levar só a A7II para fazer um casamento com lentes canon? Neste momento ainda não, mas a verdade é que ainda não me falhou... 
Fiquei também com a sensação que a A7 me dá mais fotos bem focadas. Pode ser do estabilizador ou do sistema de focagem da 5DII não ser grande coisa, mas a verdade é que me parece que é um upgrade, mesmo com lentes não nativas.

Único problema até agora está na 85mm. Quando tiro uma foto com a lente focada a mais de 5m, a lente entra em focagem manual e tenho de dar um toque no anel de focagem para voltar a AF. Mas só focado a mais de 5m e só com essa lente. Já contactei a Metabones para saber se é da minha lente ou algum problema do adaptador.

E um pequeno vídeo de comparação entre a 5DII e a A7 com a 200mm 2.8 



Lentes: 24-70mm 2.8L USM  / 200mm 2.8L II USM / 85mm 1.8 USM / 50 1.8 II

EVF VS OVF
OVF qualquer dia da semana.... O OVF permite-me ver detalhes de forma clara. Em cenas de grande contraste de luz, com o EVF não consigo ver o que se passa nas sombras. Nisso não há EVF que valha. 

Agora.... Com o OVF sinto que estou a fotografar "às cegas". Tenho uma previsão do enquadramento mas o resto da plasticidade da imagem é dada apenas por uma seta que vai de -3 a +3. E nesse campo o EVF é uma grande ajuda... Conseguir ver logo a imagem com balanço de cores aplicado, com contraste, saturação, exposição, etc, antes de disparar faz alguma diferença... Então quando se fotografa a preto e branco.... 
No entanto em estúdio tem um problema... O balanço de brancos é automático quando se desliga o preview. Com as luzes modeladoras, parece que estou a ver tudo amarelo. Mas tenho de fazer mais testes para ver se há forma de alterar isso. 

Não estou desagradado com o EVF, mas traz novas dificuldades. Não tem a clareza de um OVF nas situações que testei, mas tem outros benefícios. 

Bateria+Carregador
Depois de comprovar que as lentes focavam, um dos maiores medos era a bateria. A sony aponta para 350 disparos por bateria. Em reviews de alguns utilizadores vi que metendo a máquina em "modo avião", que desliga wifi e NFC, havia quem apontasse para 700 disparos por bateria. 
As primeiras horas depois de ter a máquina foram passadas na amazon... Carregador duplo e 4 baterias novas.... 

No terreno as coisas foram diferentes. Primeiro teste a sério levei 3 baterias e a 5D como backup. E este foi o ponto em que a primeira bateria decidiu que não tinha mais carga:

a6Nd56n.jpg

1310 fotos com 1 bateria. Não me parece mal...
Segundo teste: Estúdio. 600 fotos e desligava a máquina entre sets. Como estava ligada ao PC, começava a carregar novamente a bateria assim que era desligada. Ao fim de hora e meia a bateria estava a 75%. Depois outro teste em estúdio. Nova bateria a 100% e desta vez sem desligar a máquina. 2h, 500 fotos, 50% de bateria. 

Ontem mais um editorial na rua. 600 fotos, partilhar fotos com a stylist no telemóvel, ver as fotos no LCD como normalmente. No final, ainda sobrava 10% de bateria. Sem dúvida não é a bateria de uma 5D, mas não é tão preocupante como esperava. 

Até agora ainda não precisei sequer de trocar de bateria em nenhuma sessão. Ainda assim tenho um carregador portátil que carregar por USB. 

Qualidade de imagem
Eu sei que os sensores sony são a última coca cola do deserto, mas sinceramente, não noto grandes diferenças... Acho que ainda tenho de ajustar melhor o workflow principalmente em relação a cores. :\ 

Conclusão ao fim de 15 dias:
De modo geral a máquina agrada-me bastante e não vejo situação em que não faça um trabalho tão bom como a 5DII no tipo de imagens que eu faço. Não sinto que a máquina seja demasiado pequena e apenas se torna menos agradável em Portrait porque estou habituado a trabalhar com grip. Ao mesmo tempo é uma excelente máquina para o dia a dia e férias sem sacrificar qualidade de imagem. 

Os maiores receios que tinha acabaram por ser superados sem grandes dificuldades. AF perfeitamente funcional e baterias com duração QB. 

Não é uma máquina perfeita, mas acho que nenhuma é. 

EDIT:
Metabones e sharpness nos cantos com UGA 14mm @2.8:

RsrDMOW.jpg


Update : Casamento

Fiz 1300 fotos ao longo de 10 horas. Usei duas baterias. 
Focagem em 99% das situações sem nenhum problema. Com sol pela frente, nas costas, interiores melhor ou pior iluminados, a focagem manteve-se rápida e precisa. Apenas ao final do dia, já dentro da tenda quando estavam a mostrar um vídeo, teve duas ou três situações em que tinha de dar uma ajuda para focar +- na zona e depois o AF fazia o resto. 
Como comparação, usei também a 5DII. Tinha uma das duas máquinas com a 24-70 e a outra ou com a 85 ou 200. A 5dII em situações de menos luz era mais rápida a focar, mas no geral parece-me que falhou mais vezes a focagem. 
Agora o casamento foi em exteriores. Como seria dentro de uma igreja mal iluminada? Não sei...
Mas mais uma vez os resultados são consistentes com as experiências anteriores. As baterias duram bem mais que o esperado, o AF mesmo com o adaptador é 100% funcional na grande maioria das situações e os resultados são excelentes.

Apenas um pequeno detalhe... No Capture One alterei o perfil de cor da A7. Quando importo os raws, ele aplica automaticamente o perfil destinado a uma 5D. A mim parece-me que dá um resultado mais agradável do que o nativo da sony. O que é estranho, uma vez que o Capture One vem de oferta com a A7. 
 


Editado por deim, 08 Maio 2016 - 16:32 .



Anúncios

Partilhar Post #2 Azathoth

Azathoth

  • Membro
  • Registo: 02/09/2012
  • Posts: 3830
  • Idade: 42
    • Local: Funchal

Publicado 05 Maio 2016 - 14:02


EVF VS OVF
OVF qualquer dia da semana.... O OVF permite-me ver detalhes de forma clara. Em cenas de grande contraste de luz, com o EVF não consigo ver o que se passa nas sombras. Nisso não há EVF que valha. 

Qualidade de imagem
Eu sei que os sensores sony são a última coca cola do deserto, mas sinceramente, não noto grandes diferenças... Acho que ainda tenho de ajustar melhor o workflow principalmente em relação a cores. :\ 

 

Então o EVf não era só maravilhas?  ^_^

 

Agora o que seria interessante era fazeres uns testes de sharpness entre a 5Dmk2 e a A7 com lentes Canon + metabones. Pelo que tenho lido por aí perde-se imenso sharpness nos cantos.

 

PS: 1300 fotos por bateria realmente não é nada mau.




Partilhar Post #3 kapaah

kapaah

  • Membro
  • Registo: 01/12/2008
  • Posts: 367
  • Idade: 38
    • Local: Viseu

Publicado 05 Maio 2016 - 14:04

Nada como um bom review feito por quem usa o material no terreno :)
N tinha noção que se tirava tanta foto numa carga de bateria em mirrorless, fiquei surpreendido.


IT Partilhar Post #4 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 05 Maio 2016 - 14:18

Então o EVf não era só maravilhas?  ^_^

 

Agora o que seria interessante era fazeres uns testes de sharpness entre a 5Dmk2 e a A7 com lentes Canon + metabones. Pelo que tenho lido por aí perde-se imenso sharpness nos cantos.

 

PS: 1300 fotos por bateria realmente não é nada mau.

Já coloquei ali um sample com uma 14mm aberta a 2.8 onde se pode ver o canto. Eu não noto grande diferença. 

 

 

N tinha noção que se tirava tanta foto numa carga de bateria em mirrorless, fiquei surpreendido.

Nem eu... Tinha a ideia que 400 fotos e a bateria ia morrer. Daí ter levado logo 2 baterias extra e a 5D. Da primeira vez que a levei, ainda sem baterias extra, cheguei mais depressa ao limite do cartão de 8gb do que da bateria. :o

Mas atenção... Eu faço 15 - 20 fotos de seguida com a modelo no mesmo sítio enquanto ela se move, sem precisar de tirar os olhos da máquina. Se fizesse uma foto e seguisse viagem, provavelmente a duração da bateria seria inferior uma vez que passaria mais tempo a ajustar as configurações.
 




Partilhar Post #5 ruicarv79

ruicarv79

  • Membro
  • Registo: 04/02/2011
  • Posts: 4720
    • Local: Porto

Publicado 05 Maio 2016 - 14:43

O AF da A7II não faz detecção de olho automática? Já experimentaste?




IT Partilhar Post #6 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 05 Maio 2016 - 14:53

O AF da A7II não faz detecção de olho automática? Já experimentaste?


Com o metabones não faz. :\ Por acaso gostava de experimentar.
Faz face detection, mas sinceramente isso para mim não me serve de muito se não tiver a certeza que vai focar nos olhos.


Partilhar Post #7 ruicarv79

ruicarv79

  • Membro
  • Registo: 04/02/2011
  • Posts: 4720
    • Local: Porto

Publicado 05 Maio 2016 - 15:21

Fiquei também com a sensação que a A7 me dá mais fotos bem focadas. Pode ser do estabilizador ou do sistema de focagem da 5DII não ser grande coisa, mas a verdade é que me parece que é um upgrade, mesmo com lentes não nativas.

 

Acho que é uma vantagem comum a todas as mirrorless. A focagem é feita no sensor e isso acaba por ser uma vantagem em termos de precisão do AF.




Partilhar Post #8 iMarco

iMarco

  • Membro
  • Vencedor do mês +
  • Registo: 12/09/2014
  • Posts: 4261
  • Idade: 42
    • Local: Viseu

Publicado 05 Maio 2016 - 20:59

Boas Pedro

Parece-me uma opinião isenta sem crachás, camisolas e bandeirinhas...o que enriquece o review.

Parece-me claro, que a Sony, com este tipo de máquinas estará para obter utilizadores roubando-os, obviamente à concorrência. Quando à um ano atrás tive oportunidade de comprar uma A7, declinei do negócio é acabou por ser um amigo meu a comprar. A minha ideia inicial era utilizar lentes manuais antigas e eventualmente comprar uma lente nativa. Acabei por fazer uma opção mais lógica para mim (na Fuji) e fiquei surpreendido, imagino uma fullframe...

Vai brindado-nos alimentado este review.

Usa bem a máquina, mas não te mudes para o lado negro da força. :lol:


Partilhar Post #9 dragom

dragom

  • Membro
  • Registo: 28/12/2007
  • Posts: 2424
  • Idade: 52
    • Local: Porto

Publicado 06 Maio 2016 - 08:34

AF com lentes Canon Metabones IV T (0.49)
Era a maior preocupação. Se o AF não fosse funcional nas lentes que tenho, a máquina não me servia de nada.

Se me sentia confiante em levar só a A7II para fazer um casamento com lentes canon? Neste momento ainda não, mas a verdade é que ainda não me falhou... 

EVF VS OVF
OVF qualquer dia da semana.... O OVF permite-me ver detalhes de forma clara. Em cenas de grande contraste de luz, com o EVF não consigo ver o que se passa nas sombras. Nisso não há EVF que valha. 

Bateria+Carregador
Depois de comprovar que as lentes focavam, um dos maiores medos era a bateria.

Qualidade de imagem
Eu sei que os sensores sony são a última coca cola do deserto, mas sinceramente, não noto grandes diferenças... Acho que ainda tenho de ajustar melhor o workflow principalmente em relação a cores. :\ 

Conclusão ao fim de 15 dias:
Não sinto que a máquina seja demasiado pequena e apenas se torna menos agradável em Portrait porque estou habituado a trabalhar com grip.

Não é uma máquina perfeita, mas acho que nenhuma é. 
 

 

Parabéns pela compra e pela decisão Deim. Pelo menos agora terás experiência com a A7II para poderes comentar sem ser baseado em specs na internet.

 

Gostei da tua análise, e alguns dos pontos em que mostras que tinhas dúvidas, são os mesmos que se discutiram há umas semanas quando me tentavas convencer a mudar de sistema. Na altura eras muito peremptório sobre esses pontos, mas pelos vistos tinhas dúvidas. O que é natural e o normal dada a natureza dos mesmos.

 

Como se dizia antigamente: "A Experiência é a madre de todas as cousas".




IT Partilhar Post #10 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 06 Maio 2016 - 08:49

Parabéns pela compra e pela decisão Deim. Pelo menos agora terás experiência com a A7II para poderes comentar sem ser baseado em specs na internet.

 

Gostei da tua análise, e alguns dos pontos em que mostras que tinhas dúvidas, são os mesmos que se discutiram há umas semanas quando me tentavas convencer a mudar de sistema. Na altura eras muito peremptório sobre esses pontos, mas pelos vistos tinhas dúvidas. O que é natural e o normal dada a natureza dos mesmos.

 

Como se dizia antigamente: "A Experiência é a madre de todas as cousas".

E repara que tudo o que tinha mais receio, a máquina não só igualou as expectativas como ultrapassou... ;)

 




Partilhar Post #11 dragom

dragom

  • Membro
  • Registo: 28/12/2007
  • Posts: 2424
  • Idade: 52
    • Local: Porto

Publicado 06 Maio 2016 - 08:56

E repara que tudo o que tinha mais receio, a máquina não só igualou as expectativas como ultrapassou... ;)

 

 

Para o teu caso sim. :)




IT Partilhar Post #12 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 08 Maio 2016 - 16:36

Para o teu caso sim. :)

Para o meu caso sim, mas mesmo dentro do segmento em que se encontra acaba por ter um resultado equivalente. 
Quem estiver à espera de ter uma máquina que tire cafés, claro que nunca vai ficar satisfeito. Agora para aquilo para o que a máquina foi pensada, parece-me que atinge praticamente todos os objectivos e, dentro do preço, ultrapassa em vários a concorrência directa.  




Partilhar Post #13 joserocha

joserocha

  • Membro
  • Registo: 11/05/2012
  • Posts: 2859
    • Local: Vila Nova de Gaia

Publicado 17 Maio 2016 - 13:57

Boa análise, e certamente será uma bela ajuda para quem estiver a considerar comprar uma FF. É bom saber que lentes não nativas focam bem com o Metabones! Por por causa disto começo a olhar para o sistema Sony como uma alternativa muito válida para um eventual upgrade no futuro, dado que a câmara é bastante compacta e eu já não tenho feito fotos de desporto (até vendi a 70-200).

É muito bom saber que a autonomia também é boa. 1300 fotos com 2 baterias é um valor que já me deixa muito satisfeito, seja qual for a câmara!

 

O que me deixa de pé atrás ainda é o EVF... já que em locais escuros (igrejas antigas, museus, astrofotografia) deixam de se ver muitos pormenores que são essenciais ao enquadramento. É preciso sempre mais resolução e, em vez de amplificar a imagem no EVF dando a ideia que a câmara "vê no escuro", na verdade o que é preciso é que os próprios EVFs tenham uma gama dinâmica de saída muito maior, de modo a mostrar detalhes em sombras profundas.

 

Tirando este último ponto acho que o sistema FF da Sony está no bom caminho e só é pena que ainda esteja sozinho porque a concorrência só lhe faria bem.




IT Partilhar Post #14 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 17 Maio 2016 - 22:37

 

O que me deixa de pé atrás ainda é o EVF... já que em locais escuros (igrejas antigas, museus, astrofotografia) deixam de se ver muitos pormenores que são essenciais ao enquadramento. É preciso sempre mais resolução e, em vez de amplificar a imagem no EVF dando a ideia que a câmara "vê no escuro", na verdade o que é preciso é que os próprios EVFs tenham uma gama dinâmica de saída muito maior, de modo a mostrar detalhes em sombras profundas..

Eu fiz agora um teste. Achei que não ia dar porque não conseguia ver estrelas no céu, e então não dava para testar o EVF para astro.. A verdade é que conseguia ver estrelas no EVF que a olho nú não consigo. E conseguia fazer focus peaking, o que é mais do que se consegue com uma SLR normal. 

Em que situações é que achas que o EVF não vai funcionar? Posso tentar testar... 




Partilhar Post #15 joserocha

joserocha

  • Membro
  • Registo: 11/05/2012
  • Posts: 2859
    • Local: Vila Nova de Gaia

Publicado 19 Maio 2016 - 10:17

A verdade é que conseguia ver estrelas no EVF que a olho nú não consigo. 

Isso é impossível... Ou tu vês mal a olho nu, ou então não deste tempo suficiente aos teus olhos para se adaptarem à luz ambiente (o que é normalíssimo depois de olhar para ecrãs no escuro).

Outra razão para ser impossível é que, no escuro, nenhum EVF te dá pretos tão pretos como tu os vês a olho nu, se é que se pode dizer que a cor da noite é preta. A gama dinâmica de um EVF é demasiado curta para isso.

 

A única forma de veres mais estrelas do que consegues ver a olho nu (se a tua visão é boa) é com uns bons binóculos ou então com uma teleobjectiva muito luminosa.




IT Partilhar Post #16 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 19 Maio 2016 - 17:03

Isso é impossível... Ou tu vês mal a olho nu, ou então não deste tempo suficiente aos teus olhos para se adaptarem à luz ambiente (o que é normalíssimo depois de olhar para ecrãs no escuro).

Outra razão para ser impossível é que, no escuro, nenhum EVF te dá pretos tão pretos como tu os vês a olho nu, se é que se pode dizer que a cor da noite é preta. A gama dinâmica de um EVF é demasiado curta para isso.

 

A única forma de veres mais estrelas do que consegues ver a olho nu (se a tua visão é boa) é com uns bons binóculos ou então com uma teleobjectiva muito luminosa.

Pois, uma coisa garanto, impossível não é porque me aconteceu... :)

Se estivesse num sítio totalmente escuro, provavelmente conseguia ver as estrelas a olho nu, mas onde estava, não conseguia. E a máquina não só conseguia, como era extremamente fácil focar. Mesmo para ver o ambiente em redor, não me parece que haja grande problema com o EVF. 




Partilhar Post #17 iMarco

iMarco

  • Membro
  • Vencedor do mês +
  • Registo: 12/09/2014
  • Posts: 4261
  • Idade: 42
    • Local: Viseu

Publicado 19 Maio 2016 - 22:00

A única vez que olhei pelo evf da A7 de noite, a apontar para o meio da multidão, a iso 3200 também via estrelas...aliás, até comentei que aquele estrelado todo ia ficar visível na doto como ruído, e depois no liveview a foto estava impecável...

Para a semana vou testar isso no evf da fuji, mas parece-me algo exagerado...


Partilhar Post #18 joserocha

joserocha

  • Membro
  • Registo: 11/05/2012
  • Posts: 2859
    • Local: Vila Nova de Gaia

Publicado 20 Maio 2016 - 10:25

Pois, uma coisa garanto, impossível não é porque me aconteceu... :)

Ou tu usaste uma teleobjectiva luminosa que conseguiu ver "mais longe" do que os teus olhos, ou então a tua visão não é boa.

É impossível um EVF mostrar mais detalhe do que o que os teus olhos conseguem ver naturalmente, muito menos em condições não ideais como tu descreveste. E um OVF apenas conseguiria no máximo igualar o olho humano.

 

Já fiz muitas fotos em condições ideais com uma 50mm f/1.4 com o OVF da D700 + magnificador 1.2x e mesmo assim não via mais estrelas do que a olho nu. Se alguma vez consegui ver mais estrelas do que a olho nu foi recentemente ao testar a minha 180mm f/2.8.




IT Partilhar Post #19 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 21 Maio 2016 - 08:52

Ou tu usaste uma teleobjectiva luminosa que conseguiu ver "mais longe" do que os teus olhos, ou então a tua visão não é boa.
É impossível um EVF mostrar mais detalhe do que o que os teus olhos conseguem ver naturalmente, muito menos em condições não ideais como tu descreveste. E um OVF apenas conseguiria no máximo igualar o olho humano.
 
Já fiz muitas fotos em condições ideais com uma 50mm f/1.4 com o OVF da D700 + magnificador 1.2x e mesmo assim não via mais estrelas do que a olho nu. Se alguma vez consegui ver mais estrelas do que a olho nu foi recentemente ao testar a minha 180mm f/2.8.


85 1.8 E via mais do que via a olho nú.... conseguia ver muito melhor as estrelas.


IT Partilhar Post #20 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8310
  • Idade: 37
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 21 Maio 2016 - 09:14

Deim, dou-te outro exemplo. Agora que está a chegar a Primavera e já andam aí as andorinhas, aproveita para experimentares fotografar andorinhas ou andorinhões em vôo.
 
Vai a um parque qualquer que tenha um local e ao final da tarde tens seguramente andorinhas a voar sobre a água a caçar insectos. Está as horas que quiseres e tenta ter 3 fotos razoáveis e bem focadas. 3, porque ter sorte e sair um chouriço na rifa, qualquer pode ter. :)
 
E vê se com a A7 consegues fazer este tipo de fotos:
 
https://farm2.staticflickr.com/1612/2490...
Andorinha-das-rochas by dragoms, on Flickr


Aparentemente a forma de testar o AF de uma máquina é com pássaros pequenos em voo. Assim seja...

V7AjLw1.jpg

FKIccqK.jpg

DJ6UPMr.jpg

IF16GPn.jpg

MkwnhHG.jpg

E uns crops a 100%

oxE7nWs.png

LILXPOH.png


Tirei a primeira foto aos pássaros às 19:35, a última 10 minutos depois. Diria que em 10 minutos a A7II tinha a prova mais que superada, mesmo com lentes canon. Então com uma A7RII que ainda tem mais pontos de focagem e melhor AF, mais fácil seria...

dragom, tu que és o perito em aves, que me dizes? Aprovada?
Não digo que as fotos estejam perfeitas, até porque foi a primeira vez que fui fotografar aves... Mas acho que a máquina não se portou mal.