Ir para conteúdo

  • Facebook

  • Este site usa cookies para melhorar a sua experiência como utilizador. Ao utilizar o site está a aceitar o uso de cookies. SABER MAIS ENTENDI

Foto

"Credencial" para fotografar em Estação da CP


  • Por favor inicie sessão para responder
98 respostas a este tópico

IT Partilhar Post #1 flash

flash

  • Membro
  • Registo: 27/01/2008
  • Posts: 999
  • Idade: 41
    • Local: Matosinhos

Publicado 31 Julho 2008 - 15:20

Gostaria de saber se há alguém por aqui que tenha conhecimento de uma "credencial" para poder fotografar nas estações da CP.

Pergunto isto porque há dois dias estava a fotografar com um amigo uns comboios numa estação de Gaia e fomos abordados por um funcionário que nos perguntou se tínhamos credencial para poder estar ali a fotografar. Ele disse que, pertencendo aquilo a uma empresa pública, teríamos de ter a tal credencial e ainda vir com um colete, de maneira a andarmos sinalizados e eles saberem que tínhamos autorização para ali estar.

Sinceramente fiquei um pouco admirado mas fico à espera das vossas opiniões.

Cumps


Anúncios

Partilhar Post #2 Snitram

Snitram

  • Membro
  • Registo: 13/05/2008
  • Posts: 34
  • Idade: 30
    • Local: Porto

Publicado 31 Julho 2008 - 17:19

nao tinha conhecimento da necessidade de credencial...


Partilhar Post #3 CarlosRodrigues1368133373

CarlosRodrigues1368133373

  • Membro
  • Registo: 28/01/2007
  • Posts: 1881
  • Idade: 39
    • Local: Portela da Azóia

Publicado 31 Julho 2008 - 17:42

Sim ja nas estações do Metro é a mesma coisa, tens de pedir a administrção por escrito, por norma deixam sem grandes problemas.


Partilhar Post #4 gitzo

gitzo

  • Membro
  • Registo: 28/07/2008
  • Posts: 59

Publicado 31 Julho 2008 - 18:21

sim realmente é verdade. não tenhas muitas esperanças que te respondam ao pedido. porque eu por varias vezes fui abordado na gare do oriente no vasco da gama e no metro pelos seguranças da mesma forma ,e para não fazer as coisas de forma ilegal dei-me ao trabalho de enviar emails a explicar que pretendia fotografar nesses locais e até hoje nada! resumindo não fiz o que queria naquele dia fiz nos dias seguintes.na gare foi giro porque apanhei o turno naquela semana do mesmo segurança e ele ficou tão fato de mandar embora que depois de uma breve conversa em que eu lhe explicava que por uma pessoa ter um equipamento mais visível que um mero turista, que usa uma maquina compacta e faz tudo o que quer e que dessa forma  não é justo porque a lei é a mesma! quando ele me responde que um turista não monta lá o tripé…ou seja o resultado é o mesmo no final, é apenas uma fotografia. então desta forma ele compreendeu e pediu-me que volta-se passado uns minutos que ele iria fingir que não me via, mas teria de ser rápido e assim foi...no vasco da gama foi mais complicado quando o segurança farto de mim quase me obriga a desligar a maquina. como não o fiz e ainda os fiz andar a trás de mim durante bastante tempo fui expulso do centro, porque aquilo é privado. resumindo num dia em que jogava Portugal fui lá montei o tripé nas calmas e fiz o que queria, sem ser incomodado. aprendi com isto que para se fotografar sem ser incomodado é só esperar por um grande jogo de futebol. em Portugal muitas coisas só funcionam sob forma da ilegalidade.


IT Partilhar Post #5 flash

flash

  • Membro
  • Registo: 27/01/2008
  • Posts: 999
  • Idade: 41
    • Local: Matosinhos

Publicado 31 Julho 2008 - 19:11

Sim ja nas estações do Metro é a mesma coisa, tens de pedir a administrção por escrito, por norma deixam sem grandes problemas.


Carlos, mas qual administração? É que sinceramente não faço ideia se cada estação tem uma administração diferente...

EDIT: Esqueci-me de agradecer as respostas, mas não foi por mal!  ;)


Partilhar Post #6 gitzo

gitzo

  • Membro
  • Registo: 28/07/2008
  • Posts: 59

Publicado 31 Julho 2008 - 19:30

as estações não são do dominio da cp mas no site existem contactos uteis.


Partilhar Post #7 neox

neox

  • Membro
  • Registo: 04/05/2008
  • Posts: 1690

Publicado 31 Julho 2008 - 20:48

nao sabia da credencial, no entanto aposto que ha milhares de pessoas que tiram fotos e nao pediram nada isso é mais para embirrar com um gajo. e para dizer que fazem trabalho  :D :D :D


Partilhar Post #8 RT

RT

  • Membro
  • Registo: 27/01/2008
  • Posts: 172
  • Idade: 43
    • Local: Lx

Publicado 31 Julho 2008 - 21:11

se eu andar com uma compacta ou com telemóvel, ninguém me diz nada. mas se for com uma reflex sou encarado como um profissional!!!  há que saber contornar a situação  ;)


Partilhar Post #9 alsicon

alsicon

  • Membro
  • Registo: 15/10/2005
  • Posts: 5536
    • Local: Lisboa

Publicado 31 Julho 2008 - 21:22

Normalmente contacta-se as relações públicas dessas empresas ;)

Nos Centros Comerciais está a indicação de proibição logo nas portas à entrada, nos transportes públicos, como o Metro e CP, está escrito nas normas de uso.

Se é proibido não sei porquê tanto alarido, peçam autorização e pronto, ou têm gosto em tirar fotografias à sucapa.




Partilhar Post #10 jncruz

jncruz

  • Membro
  • Registo: 30/06/2008
  • Posts: 306
  • Idade: 47
    • Local: Ílhavo

Publicado 31 Julho 2008 - 22:49

Boas,

A verdade, nua e crua, é que as autorizações quando solicitadas, tarde ou nunca aparecem.

Uma história recente.
A empresa para a qual trabalho, uma empresa na área da moda desportiva, usa e abusa, obviamente, da imagem.

Para o catálogo da próxima colecção de Inverno, o guião foi devidamente construído em função do tema pretendido e duas das fotos foram determinadas para serem tiradas numa estação do Metro do Porto. Com quase 3 meses de antecedência tomamos a liberdade de telefonar para as relações públicas do Metro do Porto a perguntar o que seria necessário para podermos fotografar naquele local específico.

Muito atenciosamente foi-nos explicado que deveríamos efectuar um requerimento por escrito à Administração da empresa o que fizemos de imediato.

Como a resposta tardava em não aparecer, novo contacto. No seu seguimento nova carta com cópia do requerimento inicial e a indicação de que, naturalmente, incluiríamos no catálogo um agradecimento à Metro do Porto (publicidade gratuita).

Mais um mês passado, novo telefonema e nada de resposta. Foi enviado novo requerimento por carta, fax e mail oferecendo, para além da referida menção e agradecimento, para pagar o valor que entendessem correcto e justo para utilizarmos aquele espaço.

Depois disso mais uns telefonemas, mails, faxes... resultado.

O catálogo foi fotografado há duas semanas! As fotos na estação foram tiradas "à sucapa" mesmo antes de o segurança nos expulsar no espaço!

No dia seguinte comunicamos à Metro do Porto que havíamos fotografado naquele local e remetemos para todos os contactos já efectuados... passaram duas semanas e nem à m#%&a nos mandaram!

Abraços

João Nuno Cruz


IT Partilhar Post #11 flash

flash

  • Membro
  • Registo: 27/01/2008
  • Posts: 999
  • Idade: 41
    • Local: Matosinhos

Publicado 31 Julho 2008 - 23:44


Se é proibido não sei porquê tanto alarido, peçam autorização e pronto, ou têm gosto em tirar fotografias à sucapa.


Eu não tenho problema nenhum em pedir, só não sabia era a quem. E não tenho gosto nenhum em tirar fotos à sucapa.

Mas pelo que tenho lido ao longo do tópico parece que a autorização é muito boa na teoria.

Por outro lado, e muito sinceramente, acho que estas coisas só demonstram que dar valor ao nosso património não vale a pena.

É mais fácil deixar lá as composições a apodrecer e não lhes dar nenhum valor (à mercê de drogados e alguns graffiters - se é que se podem chamar assim) do que deixar dois ou três "moços" ir lá fotografar e depois pôr na net para o pessoal conhecer alguma da história do nosso país.

Infelizmente para fazer o bem ainda são precisas autorizações...


Partilhar Post #12 tyler_durden_pt

tyler_durden_pt

  • Membro
  • Registo: 31/01/2008
  • Posts: 1897
    • Local: Porto

Publicado 05 Agosto 2008 - 16:21

Esta onda de obsessão com o terrorismo é tão idiota, já enjoa.

Como é que se justifica que um turista com uma compacta possa fotografar, mas alguém com uma reflex em tripé não possa? Será que os terroristas só usam reflex? Ou só fotografam com tripé? Então e se fotografar com uma compacta num tripé, já não sou terrorista? E uma bridge sem tripé, é de terrorista ou de turista? E reflex analógica? etc.

Ou deveria ser proibido para todos fosse qual fosse o equipamento, ou permitido para todos. Além disso, já vi muitos turistas com reflex a fotografarem na Gare do Oriente, e ninguém lhes disse nada. Eu próprio já lá fotografei e ninguém me disse nada. Será que é uma questão de ter "sorte"?

Estas coisas são ridículas. Qualquer dia não se pode olhar os outros nos olhos, metemos umas palas à frente dos olhos e só olhamos em frente.


Partilhar Post #13 alsicon

alsicon

  • Membro
  • Registo: 15/10/2005
  • Posts: 5536
    • Local: Lisboa

Publicado 05 Agosto 2008 - 17:18

Eu também concordo que é uma proibição um pouco sem sentido nos dias que correm, porque a banalização das câmaras reflex é evidente. E depois choca que proibam quem as usa e não façam o mesmo a quem anda com compacta.

Por outro lado, também faz sentido pensar que se um tipo se demora mais numa determinada estação, com uma câmara tipo "canhão" e até um tripé, é porque está a fazer um trabalho mais sério, e sem pensar em terrorismos e afins, capaz de promover o local de forma mais séria com um fim que importa saber qual a quem gere os espaços.

Da nossa parte, que queremos fotografar, é do nosso interesse fazê-lo à vontade e sem subterfúgios, para nosso benefício e do próprio resultado final, por isso não custa nada pedir autorização, porque concordemos ou não, à partida é proibido...

Se vamos constantemente por à prova essa regra só estamos a prejudicar quem realmente precisa, que com esta banalização do "dispara a tudo o que mexe", vê o seu trabalho mais dificultado.
Porque não sejamos ingénuos, é muito diferente tirar uma fotografia com uma compacta ou telemóvel (ou mesmo reflex) e entrar logo a seguir no comboio, ou ir comer um hamburguer, conforme o local, do que estarmos concentrados numas fotografias do mesmo local com ar de quem percebe do assunto, e isto também pode ser feito com uma compacta ou telemóvel ;)


Partilhar Post #14 gitzo

gitzo

  • Membro
  • Registo: 28/07/2008
  • Posts: 59

Publicado 05 Agosto 2008 - 17:41

Esta onda de obsessão com o terrorismo é tão idiota, já enjoa.

Como é que se justifica que um turista com uma compacta possa fotografar, mas alguém com uma reflex em tripé não possa? Será que os terroristas só usam reflex? Ou só fotografam com tripé? Então e se fotografar com uma compacta num tripé, já não sou terrorista? E uma bridge sem tripé, é de terrorista ou de turista? E reflex analógica? etc.



acho que a justificação do terrorismo não faz sentido porque para se fotografar é tudo uma questão de segundos sem que ninguem note.
pelo o k me foi explicado a proibição parte das leis que protegem os direitos autorias do arquitecto o que acho ser perfeitamente justo. é ele quem tem de dar a autorização se a mesma não foi transferida aos seus proprietários depende dos contratos. Pelo o que me apercebi quando a tv quer filmar uma determinada fachada essa filmagem para ser transmitida tem de ser autorizada por exemplo pela câmara municipal mas isso dependendo também do seu objectivo porque filmar para uma noticia não é o mesmo que filmar para um filme ou uma novela são negócios que envolvem outros objectivos. se estiver por aqui algum arquitecto, que me corrija se estiver errado. isto sou eu a dizer. porque por esta ordem de ideias para se fazer tudo legal seria quase impossivel fotografar na rua.


Partilhar Post #15 neox

neox

  • Membro
  • Registo: 04/05/2008
  • Posts: 1690

Publicado 05 Agosto 2008 - 22:49

Boas,

A verdade, nua e crua, é que as autorizações quando solicitadas, tarde ou nunca aparecem.

Uma história recente.
A empresa para a qual trabalho, uma empresa na área da moda desportiva, usa e abusa, obviamente, da imagem.

Para o catálogo da próxima colecção de Inverno, o guião foi devidamente construído em função do tema pretendido e duas das fotos foram determinadas para serem tiradas numa estação do Metro do Porto. Com quase 3 meses de antecedência tomamos a liberdade de telefonar para as relações públicas do Metro do Porto a perguntar o que seria necessário para podermos fotografar naquele local específico.

Muito atenciosamente foi-nos explicado que deveríamos efectuar um requerimento por escrito à Administração da empresa o que fizemos de imediato.

Como a resposta tardava em não aparecer, novo contacto. No seu seguimento nova carta com cópia do requerimento inicial e a indicação de que, naturalmente, incluiríamos no catálogo um agradecimento à Metro do Porto (publicidade gratuita).

Mais um mês passado, novo telefonema e nada de resposta. Foi enviado novo requerimento por carta, fax e mail oferecendo, para além da referida menção e agradecimento, para pagar o valor que entendessem correcto e justo para utilizarmos aquele espaço.

Depois disso mais uns telefonemas, mails, faxes... resultado.

O catálogo foi fotografado há duas semanas! As fotos na estação foram tiradas "à sucapa" mesmo antes de o segurança nos expulsar no espaço!

No dia seguinte comunicamos à Metro do Porto que havíamos fotografado naquele local e remetemos para todos os contactos já efectuados... passaram duas semanas e nem à m#%&a nos mandaram!

Abraços

João Nuno Cruz


é pena que tenham de resolver as coisas a tirar fotos a sucapa porque a eles nao lhes custava nada dizerem podem tirar mas so têm x tempo ou entao têm de dizer onde foram tiradas, algo em troca no fundo e no entanto nem ái disseram.


mas a sucapa as fotos saem melhor  :D :D :D


Partilhar Post #16 PConceptions

PConceptions

  • Membro
  • Registo: 08/12/2005
  • Posts: 2610

Publicado 05 Agosto 2008 - 23:31

Aconteceu me uma cena muito estupida na estação de faro, estava a fotografar uns edificios antigos q nem pertencem sequer a cp e o seguranca veio falar cmg a dizer q nao era permitido fotografar ali e eu expliquei lhe q não estava a fotografar a estação mas os edificios e o gajo depois responde me é q se fosse com uma das maquinas das pequenas ainda podia tirar umas quantas fotos da estação para recordação, mas com uma maquina profissional dessas chama muito a atenção! Foi ridiculo, eu respondi lhe a estação de Faro é das coisinhas menos interessantes para fotografar em Faro e além do mais o sr sabe q eu ando Comboio todos os dias pq raio haveria de querer uma recordação de um local q frequento 2 vezes por dia? Para me lembrar nas folgas q tenho q ir trabalhar na segunda? So se for isso... Argumento absulutamente estupido recebeu uma resposta igualmente estupida...



Partilhar Post #17 neox

neox

  • Membro
  • Registo: 04/05/2008
  • Posts: 1690

Publicado 05 Agosto 2008 - 23:42

bem essa do se for pequena passa como é grande nao passa porqueja em profissional.

atao e uma bridge, é media da para tirar ou nao?

eu acho que isso é um pouco embirrar com as pessoas, o que é que uma foto vai fazer de mal? se estivesse a violar a privacidade de alguem, mas nao estava.


Partilhar Post #18 tyler_durden_pt

tyler_durden_pt

  • Membro
  • Registo: 31/01/2008
  • Posts: 1897
    • Local: Porto

Publicado 06 Agosto 2008 - 10:10

pelo o k me foi explicado a proibição parte das leis que protegem os direitos autorias do arquitecto o que acho ser perfeitamente justo.



Pá, se eu fosse arquitecto e tivesse criado algo da grandeza da gare do oriente, preferia que fotografassem o meu trabalho com reflex do que com compactas   :)

Basta passar 10 minutos em qualquer ponto dentro da gare do oriente ou nas imediações desta para ver umas 20 pessoas a fotografarem as infra-estruturas, com compactas, reflex, telemóveis, seja o que for. Do ponto de vista do arquitecto ou dos detentores dos direitos intelectuais, não será preferível o trabalho do tipo da reflex no tripé do que o trabalho do turista de chinelo e compacta que quando chegar a casa vai pôr as fotos manhosas em metade dos blogues da Internet?  :humm:

Mais uma vez digo, seja qual for a razão, ou deveria ser proibido para todos ou permitido para todos. A diferenciação não tem sentido.


Partilhar Post #19 joaomorgado

joaomorgado

  • Membro
  • Registo: 06/02/2008
  • Posts: 326
    • Local: Lisboa

Publicado 06 Agosto 2008 - 11:03


Pá, se eu fosse arquitecto e tivesse criado algo da grandeza da gare do oriente, preferia que fotografassem o meu trabalho com reflex do que com compactas  :)


Por norma os arquitectos não gostam que fotografem as suas obras de forma 'abusiva'...
Faço fotografia de arquitectura e para tudo é necessário autorizações, credenciais, comunicados às empresas de segurança, etc, etc etc...

Na maioria dos casos existem ordens bem explícitas para não deixar fotografar.

;)



Partilhar Post #20 tyler_durden_pt

tyler_durden_pt

  • Membro
  • Registo: 31/01/2008
  • Posts: 1897
    • Local: Porto

Publicado 06 Agosto 2008 - 11:31

Compreendo o ponto de vista do autores das estruturas, mas há que ter noção que os edifícios públicos como a gare do oriente, ou como o edifício da Sonae.com também na Expo, por exemplo, são fotografados centenas de vezes por dia. Eu sei bem porque passo por lá todos os dias...