Ir para conteúdo

  • Facebook

  • Este site usa cookies para melhorar a sua experiência como utilizador. Ao utilizar o site está a aceitar o uso de cookies. SABER MAIS ENTENDI

Foto

Mencionar ou não nome na foto?


  • Por favor inicie sessão para responder
68 respostas a este tópico

IT Partilhar Post #1 zalle

zalle

  • Membro
  • Registo: 09/04/2008
  • Posts: 2310

Publicado 24 Agosto 2011 - 18:52

Situação:

"A" contrata "B" para fazer fotos que serão usadas para uns panfletos, convites, etc.

Sem ter havido qualquer acordo específico em relação a esta questão, "B" põe o nome na fotografia que irá ser impressa? Ou não?

Obrigado


Anúncios

Partilhar Post #2 APAF

APAF

  • Membro
  • Registo: 11/11/2005
  • Posts: 1256

Publicado 24 Agosto 2011 - 19:25

Por lei qualquer fotografia deve ser identificada. na maioria dos casos não deveria ser o seu criador a colocar o nome já que este deveria vir fora da imagem (ex. na maioria das imagens de imprensa ou em muitas de publicidade e moda). caso isso não aconteça, a imagem poderá cair no domínio público e poder ser reproduzida.


Partilhar Post #3 Bogart

Bogart

  • Membro
  • Registo: 20/07/2011
  • Posts: 1129

Publicado 24 Agosto 2011 - 20:38

Não. Simples como isso. A foi contratado por B para fotografar e isso implica a cedência das fotos. Senão o B pode reenquadrar e tirar essa marca.

Simples. Hein?



Partilhar Post #4 al-Farrob

al-Farrob

  • Membro
  • Registo: 11/04/2008
  • Posts: 7457
  • Idade: 65

Publicado 24 Agosto 2011 - 21:44

Não. Simples como isso. A foi contratado por B para fotografar e isso implica a cedência das fotos. Senão o B pode reenquadrar e tirar essa marca.

Simples. Hein?



:please:


Partilhar Post #5 Bogart

Bogart

  • Membro
  • Registo: 20/07/2011
  • Posts: 1129

Publicado 24 Agosto 2011 - 22:03

Então. Quando se contrata alguem para fotografar para um folheto ou panfleto ou seja lá o que for, está-se a pagar pelas fotos!

É assim tão dificil????

FOGO!



IT Partilhar Post #6 zalle

zalle

  • Membro
  • Registo: 09/04/2008
  • Posts: 2310

Publicado 24 Agosto 2011 - 23:14

Então. Quando se contrata alguem para fotografar para um folheto ou panfleto ou seja lá o que for, está-se a pagar pelas fotos!

É assim tão dificil????

FOGO!


:wacko:


Partilhar Post #7 APAF

APAF

  • Membro
  • Registo: 11/11/2005
  • Posts: 1256

Publicado 25 Agosto 2011 - 13:16

Pode pagar-se o serviço, mas isso não anula os Direitos de Autor. Os Direitos de Autor é algo que está consignado na lei portuguesa e o facto de se contratar um serviço não se sobrepõe à Lei. Simples, não é?


Partilhar Post #8 Bogart

Bogart

  • Membro
  • Registo: 20/07/2011
  • Posts: 1129

Publicado 25 Agosto 2011 - 13:57

Sim. é simples. Por isso eu quando compro uma foto, estou a comprar direitos sobre essa mesma foto. Simples não é?

Parece que andamos todos na primária.

Ninguém compra fotos sem comprar os direitos. Não faz sentido nenhum comprar fotos sem pelo menos negociar os direitos. Agora marcas de àgua ou assinaturas nas fotos em brochuras ou panfletos ou seja que suporte for.. eu nunca vi.

Agora, se for o panfleto da padaria da esquina, e é tudo feito no arame.. aí acredito que sim..

A única altura em que coloquei créditos, foi num guia porque as fotos foram cedidas. E os créditos vinham no layout e não na foto. Como é normal fazer-se. Simples?Não é?


IT Partilhar Post #9 zalle

zalle

  • Membro
  • Registo: 09/04/2008
  • Posts: 2310

Publicado 25 Agosto 2011 - 14:00

É tudo bué da simples...  ::)


Partilhar Post #10 al-Farrob

al-Farrob

  • Membro
  • Registo: 11/04/2008
  • Posts: 7457
  • Idade: 65

Publicado 25 Agosto 2011 - 14:04

Sim. é simples. Por isso eu quando compro uma foto, estou a comprar direitos sobre essa mesma foto. Simples não é?

Parece que andamos todos na primária.

Ninguém compra fotos sem comprar os direitos. Não faz sentido nenhum comprar fotos sem pelo menos negociar os direitos. Agora marcas de àgua ou assinaturas nas fotos em brochuras ou panfletos ou seja que suporte for.. eu nunca vi.

Agora, se for o panfleto da padaria da esquina, e é tudo feito no arame.. aí acredito que sim..

A única altura em que coloquei créditos, foi num guia porque as fotos foram cedidas. E os créditos vinham no layout e não na foto. Como é normal fazer-se. Simples?Não é?


Poque não aproveitas a fase eufórica para fazer alguma coisa útil? Há pessoas que até não tomam o lítio, tendo com isso que carregar com a fase depressiva, para não perder a fase eufórica. Mas acredita que aproveitam-na bem. Um amigo meu, por exemplo, aproveita para visitar os amigos todos, e tornar-lhes a vida mais alegre. A energia que transborda é usada numa coisa útil. É bom para todos, em primeiro lugar para ele próprio.


Partilhar Post #11 Bogart

Bogart

  • Membro
  • Registo: 20/07/2011
  • Posts: 1129

Publicado 25 Agosto 2011 - 14:16

Alfarrob.. és um provocador..

ehhehehe..



Partilhar Post #12 al-Farrob

al-Farrob

  • Membro
  • Registo: 11/04/2008
  • Posts: 7457
  • Idade: 65

Publicado 25 Agosto 2011 - 14:25

Alfarrob.. és um provocador..

ehhehehe..


Talvez seja. Mas dos bons.

Quer dizer, bem intencionados :)


Partilhar Post #13 Bogart

Bogart

  • Membro
  • Registo: 20/07/2011
  • Posts: 1129

Publicado 25 Agosto 2011 - 14:42

Pois. Mas tens um lado romântico que te deixa assim mais "mole" nestas questões mais delicadas. Não que isso seja mau. Mas não é de certeza nenhuma aplicado a um trabalho. Mas também não será essa, porventura, a tua vocação. Nem o teu desejo.

De qualquer das maneiras é assim que o mercado funciona. E eu não estou a ser mais natural do que poderia ser.

É assim mesmo. Doa a quem doer.




Partilhar Post #14 RuyBerna

RuyBerna

  • Membro
  • Registo: 01/07/2007
  • Posts: 1000

Publicado 25 Agosto 2011 - 16:16

De qualquer das maneiras é assim que o mercado funciona. E eu não estou a ser mais natural do que poderia ser.

É assim mesmo. Doa a quem doer.


O mercado não funciona como tu queres que funcione e devemos ter muito cuidado com individuos que pensam como tu!

A recusa da inserção e a identificação do nome do fotógrafo tem a ver com o aspecto cultural em Portugal e  algumas vezes atitudes de arrogância e determinação de pseudo "poder" por parte daqueles que á frente de departamentos de empresas e instituições se recusam a dar os devidos créditos consagrados na lei!

Digo isto por experiência própria, pois ao logos destes anos sempre defendi e algumas vezes até recorri aos tribunais em processos,( ganhei todos ), para salvaguardar os direitos de autor e dar os devidos créditos na identificação das fotografias

Não é verdade que o nome do fotógrafo não apareça em catálogos e brochuras, aparece até em campanhas de publicidade!
Queres um exemplo: Michael Knit na campanha sobre Portugal!
Jornais,fichas técnicas de muitas revistas, livros, brochuras de qualidade,catálogos de arte...etc...etc...

Acredito, que se fosse um português ninguém sabia quem tinha feito a campanha sobre Portugal,porque já o referi, aqui existem individuos, como tu, que acham que não se deve elevar nem dar os devidos créditos aos fotógrafos portugueses!

O que está certo já  referiu a APAF:
"Pode pagar-se o serviço, mas isso não anula os Direitos de Autor. Os Direitos de Autor é algo que está consignado na lei portuguesa e o facto de se contratar um serviço não se sobrepõe à Lei. Simples, não é?"

O que sugiro para a defesa de individuos com opiniões retrógradas:

Aquando da encomenda do trabalho deve-se sempre dar referência e salvaguardar os direitos de autor  assim como a inserção ou não do nome nos trabalhos que se realizam!
Por exemplo:
Se for uma fotografia para uma embalagem de cereais não vai aparecer o nome na embalagem, mas se houver uma comunicação ou divulgação dessa campanha para a imprensa já pode muito bem haver referência ao nome a seguir ao da agência!

Dou outro exemplo que até desconheces:

Algumas instituições do estado até fazem referência à aplicação dos direitos de autor,nos cadernos de encargos, sobre fotografias para divulgação e campanhas que encomendam

Pois é não sabes, porque nunca respondestes a nenhum!

Simples não é?






Partilhar Post #15 joelmf

joelmf

  • Membro
  • Registo: 16/12/2009
  • Posts: 1476
  • Idade: 35
    • Local: Lisboa

Publicado 25 Agosto 2011 - 16:57

O mercado não funciona como tu queres que funcione e devemos ter muito cuidado com individuos que pensam como tu!

A recusa da inserção e a identificação do nome do fotógrafo tem a ver com o aspecto cultural em Portugal e  algumas vezes atitudes de arrogância e determinação de pseudo "poder" por parte daqueles que á frente de departamentos de empresas e instituições se recusam a dar os devidos créditos consagrados na lei!

Digo isto por experiência própria, pois ao logos destes anos sempre defendi e algumas vezes até recorri aos tribunais em processos,( ganhei todos ), para salvaguardar os direitos de autor e dar os devidos créditos na identificação das fotografias

Não é verdade que o nome do fotógrafo não apareça em catálogos e brochuras, aparece até em campanhas de publicidade!
Queres um exemplo: Michael Knit na campanha sobre Portugal!
Jornais,fichas técnicas de muitas revistas, livros, brochuras de qualidade,catálogos de arte...etc...etc...

Acredito, que se fosse um português ninguém sabia quem tinha feito a campanha sobre Portugal,porque já o referi, aqui existem individuos, como tu, que acham que não se deve elevar nem dar os devidos créditos aos fotógrafos portugueses!

O que está certo já  referiu a APAF:
"Pode pagar-se o serviço, mas isso não anula os Direitos de Autor. Os Direitos de Autor é algo que está consignado na lei portuguesa e o facto de se contratar um serviço não se sobrepõe à Lei. Simples, não é?"

O que sugiro para a defesa de individuos com opiniões retrógradas:

Aquando da encomenda do trabalho deve-se sempre dar referência e salvaguardar os direitos de autor  assim como a inserção ou não do nome nos trabalhos que se realizam!
Por exemplo:
Se for uma fotografia para uma embalagem de cereais não vai aparecer o nome na embalagem, mas se houver uma comunicação ou divulgação dessa campanha para a imprensa já pode muito bem haver referência ao nome a seguir ao da agência!

Dou outro exemplo que até desconheces:

Algumas instituições do estado até fazem referência à aplicação dos direitos de autor,nos cadernos de encargos, sobre fotografias para divulgação e campanhas que encomendam

Pois é não sabes, porque nunca respondestes a nenhum!

Simples não é?





Se isto fosse o facebook punha um gosto neste comentário.  :D


Partilhar Post #16 Bogart

Bogart

  • Membro
  • Registo: 20/07/2011
  • Posts: 1129

Publicado 25 Agosto 2011 - 17:27

Teres uma opinião própria também era engraçado.

:)


Partilhar Post #17 joelmf

joelmf

  • Membro
  • Registo: 16/12/2009
  • Posts: 1476
  • Idade: 35
    • Local: Lisboa

Publicado 25 Agosto 2011 - 17:39

Teres uma opinião própria também era engraçado.

:)


Não quero, se não depois ainda abres aí um tópico com letra tamanho 20 a tentar convencer-me a ter a mesma opinião que tu.  :D


Partilhar Post #18 Bogart

Bogart

  • Membro
  • Registo: 20/07/2011
  • Posts: 1129

Publicado 25 Agosto 2011 - 17:46

Não perco tempo com tão pouca massa cinzenta. Ehehehhe.

Temos mais sítios onde nos manter ocupados.

:)


Partilhar Post #19 deim

deim

  • Membro
  • Registo: 19/02/2008
  • Posts: 8196
  • Idade: 36
    • Local: Londres
    • Não é o equipamento...

Publicado 25 Agosto 2011 - 18:09

Sim. é simples. Por isso eu quando compro uma foto, estou a comprar direitos sobre essa mesma foto. Simples não é?


É simplesmente errado. Quando compras uma foto, muitas vezes estás a comprar a utilização da foto, não os direitos sobre a mesma.
Por isso é que muitas vezes tens limites de utilização de fotos. Pagas X para utilizar a foto em determinados suportes. Se decidires utilizar noutros, pagas outro tanto. Quando um fotógrafo te faz um orçamento para fazer uma foto, não tem em consideração apenas o trabalho que vai dar fazer a foto.. vai também perguntar como vai ser usada e durante quanto tempo.


Partilhar Post #20 Bogart

Bogart

  • Membro
  • Registo: 20/07/2011
  • Posts: 1129

Publicado 25 Agosto 2011 - 18:24

Isso são os direitos sobre a foto. Desculpa se não expliquei a parte do tempo. Pensei que estivessem todos no mesmo patamar de entendimento.

Portanto eu alugo as fotos e pago para poder fazer delas o que me apetecer durante o tempo determinado!

Mas por outro lado existe o Full Rights e os Royalty Free.. Bora lá começar a falar nisso?